Plano de EnsinoURI Câmpus de Erechim
 

PLANO DE ENSINO

Departamento de Ciências Sociais Aplicadas

Disciplina: Geoprocessamento Aplicado à Arquitetura

Código: 60-1128

Carga Horária: 40h (Teórica: 20h)  (Prática: 20h)

Nº de Créditos: 02

 

Ementa:

Fundamentos básicos de Geoprocessamento, noções de Sistemas e Redes de Referência, Coordenadas Geográficas e UTM, Cartografia Básica aplicada à Arquitetura e uso de programas aplicativos

.

Objetivos:

Fornecer informações a respeito dos conceitos e técnicas do Geoprocessamento aplicadas à Arquitetura. Abordar os conteúdos relativos ao Georreferenciamento e à Cartografia Básica, indispensáveis ao Arquiteto e Urbanista, para as intervenções na malha urbana das cidades, de acordo com a Lei nº 10.257 – Estatuto da Cidade.

 

Conteúdos Curriculares:

1 Aplicabilidade do Geoprocessamento na Arquitetura e Urbanismo e a Consciência Ambiental

2 Introdução ao Geoprocessamento e Redes Geodésicas

3 Cartografia Aplicada

3.1 Definições, forma da Terra e Geóide e Elipsóide

3.2 Datum, Sistemas de Coordenadas, Coordenadas Geodésicas e Cartesianas.

3.3 Altitudes e Coordenadas Plano-retangulares

3.4 A Projeção UTM

3.5 Meridiano central, Convergência e Fator de Escala

3.6 Transformação de Coordenadas – Programas computacionais (prática)

4 Sistema de Informação Geográfica

4.1 Definições e diferenças entre os sistemas GIS (Geographic Information System), CAD

(Computer-aided design), CAM (Computer Aided Manufacturing) e AM/FM

4.2 A estrutura de dados do SIG

4.3 Componentes e características de um SIG

4.4 Escolha da escala de trabalho e aplicações

5 Digitalização manual e com mesa digitalizadora

5.1 Tipos de scanners

5.2 Comparação dos processos de digitalização

6 Fotogrametria

6.1 Definições, a fotografia aérea e a estereoscopia

6.2 Execução do vôo, foto-índice e mosaico

6.3 Pontos de apoio, Aerotriangulação e restituição fotogramétrica

6.4 Ortofotos: convencionais e digitais

6.5 Fotointerpretação

7 Sensoriamento Remoto

7.1 Definições e componentes de um sistema de sensoriamento remoto

7.2 O espectro eletromagnético

7.3 Sistemas sensores

7.4 Processamento e interpretação de imagens de satélite (prática)

8 Sistema de Posicionamento Global - GPS

8.1 Introdução e estrutura do GPS

8.2 Posicionamento pelo método GPS

8.3 Erros no posicionamento GPS

8.4 O sistema de referência GPS

8.5 Outros sistemas de Posicionamento

8.5.1 Glonass

8.5.2 Galileo

8.6 Tipos de Equipamentos GPS

8.7 Métodos de medição com GPS (prática)

8.8 O SIRGAS e a RBMC

8.9 Vantagens e Limitações do GPS

8.10 Integração GPS e SIG (prática)

 

Metodologia:

Visando desenvolver competências técnicas, cognitivas e comportamentais nos acadêmicos, as aulas, de forma variada, terão como metodologias: (1) a tradicional (expositivo-dialogadas com estudos dirigidos), (2) a ativa e (3) a sociointeracionista (professor como mediador de atividades em que os alunos trabalham em equipes e interagem com a comunidade universitária).

No intuito de desenvolver as competências inerentes a disciplina, serão utilizados: recursos de multimídia como projetores de imagem e vídeo, computador (internet, PowerPoint), Google Classroom (inserção de material e proposta de TDE´s), Laboratório de Informática, Sala de Aula, Biblioteca física e virtual (visando pesquisas individuais e em equipe). Os alunos desenvolverão Trabalhos Discente Efetivos no total de 20h, que poderão ser, conforme a necessidade, questionários, pesquisas bibliográficas, pesquisa e análise de projetos referenciais, levantamento, registro e representação de elementos de estudo, produção de vídeos. A fixação dos conteúdos será por meio do desenvolvimento de projeto e representação gráfica em programas específicos.

 

Avaliação:

A avaliação da disciplina será feita com base nos objetivos da disciplina, por meio dos seguintes instrumentos de avaliação: (1) Trabalhos Práticos, (2) Trabalhos Discentes Efetivos e (3) Avaliação do processo de Desenvolvimento – individual e/ou coletivo do aprendizado do acadêmico ao longo do semestre, observando sua evolução, participação e crescimento. As aulas com utilização de metodologia ativa terão, especialmente, mas não exclusivamente, avaliação contínua, ou seja, avaliação constante do desempenho técnico, cognitivo e comportamental dos alunos para possíveis redirecionamentos metodológico/educativos

 

BIBLIOGRAFIA

Bibliografia Básica

FITZ, Paulo Roberto. Cartografia básica. São Paulo: Oficina de Textos, 2017.

MONICO, J. F. G. Posicionamento pelo GNSS - Descrição, Fundamentos e Aplicações. São

Paulo: UNESP, 2008.

NOVO, Evlyn Márcia Leão de Moraes. Sensoriamento remoto: princípios e aplicações. 4. ed. São Paulo: Edgard Blücher, 2012.

 

 

Bibliografia Complementar

IBRAHIN, Francini Imene Dias. Introdução ao geoprocessamento ambiental. Editora Erica,  2014.

MARTINELLI, Marcello. Mapas da geografia e cartografia temática. 5. ed. São Paulo: Contexto, 2006.

MCCORMAC, Jack. Topografia. 6. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2017.

SOUZA, José Gilberto de; KATUTA, Ângela Massumi. Geografia e conhecimentos cartográficos: a cartografia no movimento de renovação da geografia brasileira e a importância do uso de mapas. São Paulo: UNESP, 2001.

US NAVY. Construção Civil: Teoria e Prática – Topografia. Curitiba: Hemus, 2005. v.3.

 

 

 

Notícias do Curso

Ver todas