Plano de EnsinoURI Câmpus de Erechim
 

PLANO DE ENSINO

Departamento de Ciências Sociais Aplicadas

Disciplina: Instalações Prediais

Código: 60-1101

Carga Horária: 80h (Teórica: 40h)  (Prática: 40h)

Nº de Créditos: 04

 

Ementa:

Instalações elétricas e hidrossanitárias prediais. Geração e distribuição de energia em baixa tensão. Dimensionamento de eletrodutos, condutores e dispositivos de manobra e proteção. Medidores. Circuito de iluminação e força. Projeto de tubulação telefônica. Tecnologia executiva de instalação elétrica. Cálculo da demanda. Instalações prediais de água fria. Instalações elevatórias prediais. Instalações prediais de água quente. Instalações prediais de esgoto sanitário. Instalações prediais de águas pluviais. Instalações prediais de combate a incêndio. Instalações e construção de fossas sépticas.

 

Objetivos:

Proporcionar aos alunos condições de desenvolver projetos de instalações elétricas para prédios que necessitem de alimentação em baixa tensão. Transmitir conhecimentos básicos dos métodos, princípios e materiais necessários para elaboração de projetos de instalações hidrossanitárias prediais de utilização domiciliar, com economia e conforto, e sua integração com os demais projetos.

 

Conteúdos Curriculares:

1 Geração e distribuição de energia em baixa tensão

2 Instalações prediais em baixa tensão

3 Circuitos de iluminação e força

4 Cálculo da demanda

5 Dimensionamento de eletrodutos

6 Dimensionamento de condutores

7 Dispositivo de manobra e proteção

8 Medidores

9 Projeto de tubulação telefônica

10 Tecnologia executiva de instalação elétrica

11 Noções básicas gerais de hidráulica

12 Condutos sob pressão

13 A água: importância e usos

14 Sistemas hidrossanitários prediais: qualidade e patologia nos ambientes sanitários.

15 Noções preliminares dos materiais

16 Projeto: concepção e fases de elaboração

17 Instalações prediais de água fria (AF)

18 Instalações elevatórias prediais

19 Instalações prediais de água quente (AQ)

20 Instalações prediais de esgoto sanitário (ES)

21 Instalações prediais de águas pluviais (AP)

22 Instalações prediais de combate a incêndio (ACI)

23 Instalações e construção de fossas sépticas (FS)

24 Coordenação do projeto

 

Metodologia:

Visando desenvolver competências técnicas, cognitivas e comportamentais nos acadêmicos, as aulas, de forma variada, terão como metodologias: (1) a tradicional (expositivo-dialogadas com estudos dirigidos), (2) a ativa e (3) a sociointeracionista (professor como mediador de atividades em que os alunos trabalham em equipes e interagem com a comunidade universitária).

No intuito de desenvolver as competências inerentes a disciplina, serão utilizados: recursos de multimídia como projetores de imagem e vídeo, computador (internet, PowerPoint), Google Classroom (inserção de material e proposta de TDE´s), Laboratório de Instalações Hidrossanitárias, Laboratório de Eletrotécnica, Sala de Aula, Biblioteca física e virtual (visando pesquisas individuais e em equipe). Os alunos desenvolverão Trabalhos Discente Efetivos no total de 20h, que poderão ser, conforme a necessidade, questionários, pesquisas bibliográficas, pesquisa e análise de projetos referenciais, levantamento, dimensionamento, registro e representação de elementos de estudo. A fixação dos conteúdos será por meio do desenvolvimento de atividades práticas em laboratórios de instalações hidrossanitárias e de eletrotécnica.

 

Avaliação:

A avaliação da disciplina será feita com base nos objetivos da disciplina, por meio dos seguintes instrumentos de avaliação: (1) Provas/Trabalhos Práticos, (2) Trabalhos Discentes Efetivos e (3) Avaliação do processo de Desenvolvimento – individual e/ou coletivo do aprendizado do acadêmico ao longo do semestre, observando sua evolução, participação e crescimento. As aulas com utilização de metodologia ativa terão, especialmente, mas não exclusivamente, avaliação contínua, ou seja, avaliação constante do desempenho técnico, cognitivo e comportamental dos alunos para possíveis redirecionamentos metodológico/educativos.

 

BIBLIOGRAFIA

Bibliografia Básica

COTRIM, A. A. M. B. Instalações elétricas. 5a.ed., Rio de Janeiro: Prentice Hall do Brasil, 2014.

BRENTANO, T. Instalações Hidráulicas de Combate a Incêndios nas Edificações: Hidrante, mangotinho e chuveiros automáticos. 5ª ed., Porto Alegre: PUCRS, 2016.

CREDER; H. Instalações Hidráulicas e Sanitárias. 6. ed., Rio de Janeiro, LTC, 2012.

 

Bibliografia Complementar

CRUZ, E. C. A., ANICETO, L. A., Instalações elétricas: fundamentos, prática e projetos em instalações residenciais e comerciais. 2. ed. São Paulo: Erica, 2013.

LIMA FILHO, D. L., Projetos de Instalações Elétricas Prediais. São Paulo: Erica, 2013.

NISKIER, Julio. Manual de instalações elétricas. Rio de Janeiro: LTC, 2010.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Instalação predial de água fria. Rio de Janeiro: ABNT, 1996. NBR 5626

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Projeto e execução de instalações prediais de água quente. Rio de Janeiro: ABNT, 1993. NBR 7198

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Sistemas de hidrantes e de mangotinhos para combate a incêndio. Rio de Janeiro: ABNT, 2000. NBR 13714-ACI

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Sistemas prediais de esgoto sanitário: projeto e execução. Rio de Janeiro: ABNT, 1999. NBR 8160 ES

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Projeto, construção e operação de sistemas de tanques sépticos. Rio de Janeiro: ABNT, 1997. NBR 7229-FS

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Instalações prediais de águas pluviais. Rio de Janeiro: ABNT, 1989. NBR 13969-TCE

ASSOCIACAO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Projeto, construção e operação de sistemas de tanques sépticos. Rio de Janeiro: ABNT, 1997. NBR 7229-TS

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. Tanques sépticos – unidades de tratamento complementar e disposição final dos efluentes líquidos: projeto, construção e operação. Rio de Janeiro: ABNT, 1997. Rio de Janeiro: ABNT, 1997. NBR 13969-TCE

BORGES, R. S. Manual de Instalações Prediais Hidráulico-Sanitárias e de Gás. 4. ed., São Paulo: PINI, 2000.

CARVALHO JUNIOR, Roberto de. Instalações hidráulicas e o projeto de arquitetura. 11. ed. São Paulo: Edgard Blücher, 2017.

 

Notícias do Curso

Ver todas