Plano de EnsinoURI Câmpus de Erechim
 

PLANO DE ENSINO

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIAS E CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

Disciplina: Acionamentos Elétricos e Eletrônicos 

Código: 30-562

Carga Horária: 40h (Teórica: 30h) (Prática: 10h)

Créditos: 02

Pré-Requisitos: 30-397

 

EMENTA

Acionamento de máquinas elétricas rotativas de corrente contínua e de corrente alternada. Dimensionamento de motores elétricos de acordo com a carga mecânica. Partida de motores elétricos. Técnicas de controle de motores elétricos. Proteção de máquinas elétricas.

 

OBJETIVOS

A disciplina visa desenvolver conceitos teóricos e práticos fundamentais para o acionamento de máquinas elétricas, proporcionando o dimensionamento e proteção de motores elétricos, bem como a especificação de métodos de partidas, técnicas de controle de velocidade de motores de indução e de regulação de tensão de máquinas síncronas. Assim, permitirá o projeto, análise e manutenção de sistemas e produtos à área da eletrotécnica, o desenvolvimento de novas ferramentas e técnicas relacionadas ao acionamento, e a compressão sistémica das aplicações de máquinas elétricas às diversas soluções de engenharia presentes no mercado de trabalho.

Buscando-se atender essas competências, os seguintes objetivos são apresentados:

- Compreender os conceitos fundamentais sobre o acionamento elétrico e eletrônico de máquinas elétricas em um contexto aplicado ao mercado profissional;

- Entender as principais diferenças funcionais entre os diversos componentes de um acionamento elétrico;

- Interligar conceitos da automação aos acionamentos elétricos;

- Especificar o motor elétrico e sua proteção em conformidade ao seu perfil de carga e das características operacionais da aplicação;

- Aplicar os conceitos do acionamento de máquinas elétricas em soluções inovadoras e sustentáveis na área da eletrotécnica. 

 

CONTEÚDOS CURRICULARES

 

UNIDADE DE ENSINO 01 – INTRODUÇÃO AO ACIONAMENTO DE MÁQUINAS ELÉTRICAS

Desenvolver conhecimentos acerca dos componentes para os acionamentos de máquinas elétricas, tais como botoeiras, contatores, relés temporizadores, relés de proteção, fusíveis e disjuntores, contatores auxiliares de comando, entre outros dispositivos, diferenciando os projetos dos circuitos de comando e de potência, bem como sua simbologia oficial. Aplicar esses conhecimentos aos acionamentos de máquinas elétricas rotativas de corrente contínua e de corrente alternada, interligando elementos da automação aos acionamentos.

 

Atividade Prática: Atividades em laboratório relacionando componentes, automação e projeto de circuito de comando e de potência ao acionamento elétrico. 

 

TDE – Atividade conforme normatização envolvendo os conteúdos da Unidade de Ensino 01.

 

UNIDADE DE ENSINO 02 – DIMENSIONAMENTO E PROTEÇÃO DO MOTOR ELÉTRICO

Apresentar metodologias ao dimensionamento do motor elétrico de acordo com a carga mecânica, dimensionamento da proteção e as suas implicações no acionamento elétrico.

 

Atividade Prática: Atividades em laboratório sobre o dimensionamento e proteção de motores elétricos.

 

TDE – Atividade conforme normatização envolvendo os conteúdos da Unidade de Ensino 02.

 

UNIDADE DE ENSINO 03 – MÉTODOS DE PARTIDA DE MOTORES ELÉTRICOS

Trabalhar os métodos de partida de motores de indução trifásicos e monofásicos, apresentando as características operacionais entre os métodos e aplicando elementos de automação aos processos de partida.

 

Atividade Prática: Atividades em laboratório para a especificação, montagem e análise de métodos de partida de motores elétricos.

 

TDE – Atividade conforme normatização envolvendo os conteúdos da Unidade de Ensino 03.

 

UNIDADE DE ENSINO 04 – TÉCNICAS DE CONTROLE DE MÁQUINAS ELÉTRICAS

Apresentar as técnicas de controle de velocidade de motores de indução e de regulação de tensão de máquinas síncronas.

 

Atividade Prática: Atividades em laboratório sobre técnicas de controle de máquinas elétricas.

 

TDE – Atividade conforme normatização envolvendo os conteúdos da Unidade de Ensino 04.

 

METODOLOGIA

Visando desenvolver as competências apresentadas, as aulas serão desenvolvidas de forma variada e tem como metodologias: a tradicional (expositivo-dialogadas), a ativa e a sócio-interacionista. No intuito de desenvolver as competências específicas à disciplina, podem ser utilizados recursos de multimídia como projetores de imagem e vídeo, atividades práticas em laboratório e ferramentas computacionais de suporte. A contextualização se dará por meio da proposição de problemas reais. Os alunos irão elaborar Trabalhos Discentes Efetivos no total de 10h, podendo ser, conforme a necessidade, estudos de caso, solução dirigida de problemas de engenharia, exercícios e atividades de laboratório.

 

AVALIAÇÃO

A avaliação da disciplina se propõe a verificar se as competências propostas neste plano de ensino foram desenvolvidas pelo acadêmico, por meio dos seguintes instrumentos de avaliação: provas escritas, relatórios e Trabalhos Discentes Efetivos, estes últimos valendo 20% da média parcial.

As avaliações serão realizadas ao longo do semestre e distribuídas uniformemente de acordo com o plano de ensino. Numa aula que antecede uma avaliação serão dadas orientações a respeito da sistemática a ser adotada e os conteúdos exigidos, bem como os critérios específicos da avaliação. No instrumento de avaliação haverá de forma explícita e por escrito quanto valerá cada questão.

 

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

FILIPPO FILHO, G. Motor de indução. 2. ed. São Paulo: Érica, 2014.

FRANCHI, C. M. Acionamentos elétricos. 5. ed. São Paulo: Érica, 2014.

NASCIMENTO, G. Comandos elétricos: teoria e atividades. São Paulo: Érica, 2014.

 

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

BIM, E. Máquinas elétricas e acionamentos. 3. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2014.

FRANCHI, C. M. Inversores de frequência: teoria e aplicação. 2. ed. São Paulo: Érica, 2014.

FRANCHI, C. M. Sistemas de acionamento elétrico. São Paulo: Érica, 2014.

PETRUZELLA, F. Motores elétricos e acionamentos. Porto Alegre: AMGH, 2013.

STEPHAN, R. Acionamento, comando e controle de máquinas elétricas. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2013.

 

Notícias do Curso

Ver todas