Plano de EnsinoURI Câmpus de Erechim
 

PLANO DE ENSINO

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIAS E CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

Disciplina: Tópicos Especiais em Infraestrutura e Meio Ambiente

Código: 30-368

Carga Horária: 40h (Teórica: 20h) (Prática: 20h)

Créditos: 02

Pré-Requisitos: 2520h

Correquisitos: -

 

EMENTA

Cidades Sustentáveis: exemplos e avanços, Tecnologias sustentáveis aplicadas à infraestrutura, Desenvolvimento de novos materiais, Estrutura dos Materiais, Técnicas Avançadas de Caracterização dos Materiais.

OBJETIVOS

A disciplina visa desenvolver habilidades para compreender e utilizar técnicas apropriadas para a caracterização de novos materiais bem como conhecer tecnologias aplicadas a infraestrutura. Buscando-se atender estas competências alguns objetivos específicos são delineados:

- Ser capaz de compreender as tecnologias sustentáveis usadas na construção civil;

- Ser capaz de compreender as metodologias aplicadas no desenvolvimento de novos materiais;

- Ser capaz de compreender técnicas avançadas de caracterização dos materiais;

- Realizar a avaliação crítico reflexiva dos impactos das soluções de engenharia nos contextos sociais, legais, ambientais e econômicos;

- Ser capaz de compreender avaliar os impactos das atividades de engenharia na sociedade e no meio ambiente.

 

CONTEÚDOS CURRICULARES

UNIDADE DE ENSINO 01 – CIDADES SUSTENTÁVEIS: EXEMPLOS E AVANÇOS

Apresentar e discutir sobre o desenvolvimento de cidades sustentáveis e os avanços conquistados ao longo do tempo, bem como a interações entre atividades humanas e meio ambiente

 

Atividade prática 01: Realização de atividade prática para fixação dos conteúdos trabalhados.

 

UNIDADE DE ENSINO 02 – TECNOLOGIAS SUSTENTÁVEIS APLICADAS À INFRAESTRUTURA

Trabalhar as principais tecnologias sustentáveis aplicadas a infraestrutura, bem como compreender a legislação referente a problemas de infraestrutura e meio ambiente.

Atividade prática 02: Realização de atividade prática para fixação dos conteúdos trabalhados.

 

UNIDADE DE ENSINO 03 – DESENVOLVIMENTO DE NOVOS MATERIAIS

Trabalhar com as metodologias aplicadas ao desenvolvimento e estudo de novos materiais, bem como a valorização de resíduos (lodos, rejeitos de processos industriais)

 

Atividade prática 03: Realização de atividade prática para fixação dos conteúdos trabalhados.

TDE 01 – Atividade conforme normatização envolvendo os conteúdos da Unidade de Ensino 03.

 

UNIDADE DE ENSINO 04 – ESTRUTURA DOS MATERIAIS

Compreender como reconhecer a estrutura dos materiais (cristalinas e amorfas); fases dos materiais e defeitos de superfície (superfície dos materiais e contorno de grão).

 

Atividade prática 04: Realização de atividade prática para fixação dos conteúdos trabalhados.

 

UNIDADE DE ENSINO 05 – TÉCNICAS AVANÇADAS DE CARACTERIZAÇÃO DOS MATERIAIS.

 

Compreender e saber avaliar as diferentes técnicas de caracterização de materiais como microscopia eletrônica de varredura (MEV), difração de raios X (DRX), Fluorescência de raio X (FRX) termogravimetria (TG).

 

Atividade prática 05: Realização de atividade prática para fixação dos conteúdos trabalhados.

TDE 02 – Atividade conforme normatização envolvendo os conteúdos da Unidade de Ensino 05.

 

METODOLOGIA

Visando desenvolver competências apresentadas, as aulas serão desenvolvidas de forma variada e terão como metodologias: a tradicional (expositivo-dialogadas com estudos dirigidos), a ativa e a sócio-interacionista. No intuito de desenvolver as competências inerentes à disciplina, poderão ser utilizados recursos de multimídia, como projetores de imagem e vídeo, e materiais concretos. A contextualização se dará através da resolução de problemas reais. Os alunos desenvolverão Trabalhos Discente Efetivos no total de 10h, envolvendo resolução de exercícios e problemas reais por meio da aplicação dos conceitos trabalhados e inerentes à área de Infraestrutura e Meio Ambiente.

 

AVALIAÇÃO

A avaliação da disciplina se propõe a verificar se as competências propostas neste plano de ensino foram desenvolvidas pelo acadêmico, por meio dos seguintes instrumentos de avaliação: provas escritas, apresentação de trabalhos e Trabalhos Discentes Efetivos, estes últimos valendo 20% da média parcial.

As avaliações serão realizadas ao longo do semestre e distribuídas uniformemente de acordo com o plano de ensino. Numa aula que antecede uma avaliação serão dadas orientações a respeito da sistemática a ser adotada e os conteúdos exigidos, bem como os critérios específicos da avaliação. No instrumento de avaliação haverá de forma explícita e por escrito quanto valerá cada questão.

 

 

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

CALLISTER, William D.; RETHWISCH, David G. Ciência e engenharia de materiais: uma introdução. 8. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2013. 838 p.

LEVY NETO, Flamínio; PARDINI, Luiz Claudio. Compósitos estruturais: ciência e tecnologia. 2. ed. São Paulo: Blucher, 2016. 418 p.

ISAIA, Geraldo Cechella (Org.). Materiais de construção civil e princípios de ciência e engenharia de materiais. 2. ed., atual. e ampl. São Paulo: IBRACON, 2010. 2 v
FREIRE, Wesley Jorge; BERALDO, Antonio Ludovico Tecnologias e materiais alternativos de construção. São Paulo: Unicamp, 2017. 331 p.

SATTLER, Miguel Aloysio; PEREIRA, Fernando Oscar Ruttkay (Coord.). Construção e meio ambiente. Porto Alegre: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído, 2006. 295 p. (HABITARE; 7).

 

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

CALLISTER, William D. Fundamentos da ciência e engenharia de materiais: uma abordagem integrada. 2. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2012. xix, 702 p
DALLY, James W.; RILEY, William F. Experimental stress analysis. 3. ed. New York: McGraw-Hill, 1991. 639 p.

BAUER, L. A. Falcão (Coord.). Materiais de construção. 5. ed., rev. Rio de Janeiro: LTC, 2013. 2 v.

PADILHA, Angelo Fernando. Materiais de engenharia: microestrutura e propriedades. São Paulo: Hemus, 2007. 349 p.

VAN VLACK, Lawrence H. Princípios de ciência dos materiais. São Paulo: Edgard Blücher, 2012. 427 p.

 

Notícias do Curso

Ver todas