Plano de EnsinoURI Câmpus de Erechim
 

PLANO DE ENSINO

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIAS E CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

Disciplina: Projeto Integrador – Mecânica Estrutural

Código: 30-344

Carga Horária: 60h (Teórica: 30h) (Prática: 30h)

Créditos: 03

Pré-Requisitos: -

Correquisitos: 30-279

 

EMENTA

Modelagem e simulação no âmbito da mecânica estrutural teórica e computacional.

 

OBJETIVOS

A disciplina visa aplicar ferramentas rápidas e eficientes para a solução de diversos problemas no âmbito da engenharia utilizando técnicas de modelagem e análise teórica e computacional. Buscando-se atender essas competências, os seguintes objetivos são apresentados:

- Compreender a importância e aplicação da modelagem e simulação no âmbito da engenharia estrutural;

- Modelar e simular elementos estruturais;

- Comparar resultados analíticos com numéricos;

- Interpretar resultados;

- Ser capaz de utilizar técnicas adequadas de observação, compreensão, registro e análise das necessidades dos usuários e de seus contextos sociais, legais, ambientais e econômicos;

- Realizar a avaliação crítico reflexiva dos impactos das soluções de engenharia nos contextos sociais, legais, ambientais e econômicos;

- Ser capaz de compreender a legislação, a ética e a responsabilidade profissional e avaliar os impactos das atividades de engenharia na sociedade e no meio ambiente.

 

CONTEÚDOS CURRICULARES

Os conteúdos curriculares desta disciplina visam trabalhar com conceitos de modelagem e simulação em engenharia e suas aplicações nas áreas de análise estrutural e mecânica dos sólidos.

 

METODOLOGIA

O Projeto Integrador – Mecânica Estrutural será desenvolvido levando em consideração a interdisciplinaridade e a multidisciplinaridade, uma vez que engloba a ligação de várias disciplinas das áreas de análise estrutural e de mecânica dos sólidos, considerando a construção do conhecimento compartilhada entre professor e alunos com o objetivo de analisar e solucionar problemas de engenharia. Dentre as atividades a serem realizadas durante as 60 horas previstas nesta disciplina, constam 30 horas de atividades extensionistas. Ações extensionistas são classificadas como (i) projeto, (ii) curso, oficina e/ou workshop, (iii) evento, (iv) produto acadêmico, ou (v) prestação de serviço – e desenvolvidas em caráter disciplinar e/ou transversal.

 

AVALIAÇÃO

Conforme descrito no manual de Procedimentos para Elaboração do Projeto Integrador – Mecânica Estrutural.

 

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

HIBBELER, R. C. Estática: mecânica para engenharia. 10. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2005. V. 1.

BEER, F. P; JOHSTON Jr.; E. R. Resistência dos materiais. 3.ed., São Paulo: Makron Books, 2007.

RAO, Singiresu S. The finite element method in engineering. 5. ed. Burlington: Elsevier, 2011.

 

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

SORIANO, H. L.; LIMA, S. de S. Análise de estruturas: Método das Forças e Método dos Deslocamentos. 2. ed., Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2006.

HIBBELER, R. C. Resistência dos materiais. 7.ed., Rio de Janeiro: Prentice Hall Brasil, 2010.

POPOV, E. Paul. Introdução à mecânica dos sólidos. São Paulo: Edgard Blücher, 2008.

CASTRO SOBRINHO, Antonio da Silva. Introdução ao método de elementos finitos. Rio de janeiro: Ciência Moderna, 2006.

ASSAN, Aloisio Ernesto. Método dos elementos finitos: primeiros passos. 2. ed. Campinas: Unicamp, 2013.

 

Notícias do Curso

Ver todas