Plano de EnsinoURI Câmpus de Erechim
 

PLANO DE ENSINO

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIAS E CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

Disciplina: Engenharia de Software

Código: 30-803

Carga Horária: 80h (60h Prática + 20h Teórica)

Nº de Créditos: 04

 

EMENTA

Introdução à Engenharia de Software. Normas e Modelos de Qualidade. Processos de Desenvolvimento de Software. Testes e Manutenção de Software.

OBJETIVOS

Conscientizar o aluno da necessidade de empregar os conceitos de engenharia de software na especificação de requisitos, análise e projeto de sistemas. Especificar as normas de qualidade CMMI e MPS.br. Apresentar técnicas para o desenvolvimento estruturado e para o desenvolvimento ágil, demonstrando a diferença entre elas e as principais metodologias ágeis. Capacitar o aluno em processos de descrição e realização de testes e manutenção de software.

 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Introdução à Engenharia de Software

Conceitos Básicos da Engenharia de Software

Ferramentas CASE

Normas e Modelos de Qualidade (CMMI e MPS.br)

Processos de Desenvolvimento de Software

Modelos de Ciclo de Vida

Análise e Projeto Estruturado de Sistemas

Desenvolvimento Ágil

Comparativo das Metodologias Tradicionais x Ágeis

Scrum

eXtreme Programming (XP)

Documentação

TDD (Test-Driven Development)

Testes e Manutenção de Software

 

METODOLOGIA

Os alunos desenvolverão Trabalhos Discente Efetivos (TDE) no total de 20h, de acordo com o planejamento do professor: estudos de caso, pesquisas bibliográficas, resolução de problemas e lista de exercícios.

O desenvolvimento dos conteúdos será feito através de aulas expositivas verbais e diálogo entre alunos e professor (com utilização de recursos audiovisuais e técnicas como exibição de slides, exposição oral), enquanto são discutidos os itens de cunho teórico; evoluindo em tópicos específicos para exercícios (com técnicas como atividades práticas individuais, em grupos, demais atividades direcionadas ao conteúdo e discussões) visando a fixação dos conteúdos.

Também serão realizados estudos de caso, debates, resolução de exercícios práticos, com execução de atividades que possibilitem a aplicação do conteúdo visto em aula de forma dinâmica e interativa. Haverá também uso de metodologias ativas e aplicação de técnica da sala de aula invertida.

No decorrer do semestre, serão utilizadas metodologias ativas com o objetivo de potencializar o processo de ensino-aprendizagem.

 

AVALIAÇÃO

Para esta disciplina a avaliação semestral deve considerar a média ponderada entre as notas, que serão definidas através das seguintes avaliações:

  • Parte da avaliação da disciplina, com peso 20%, será referente às atividades desenvolvidas nas TDEs, conforme previsto pelas regras da graduação Ativa da URI;
  • Comporá também uma das notas da disciplina a avaliação do aluno conforme o projeto integrador, com peso a ser definido pelo professor de acordo com o tema norteador e projeto aplicado no semestre;
  • O restante das notas consistirão em provas e trabalhos (teóricos e/ou práticos), com assuntos específicos da disciplina.

A atribuição de notas para a avaliação do desempenho do acadêmico, segue o prescreve o Regimento Geral da Universidade, Art. 88 a 92.

 

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

SOMMERVILLE, Ian. Engenharia de Software 8ª ed. São Paulo: Addison Wesley,2010.

PRESSMAN, Roger S. Engenharia de Software. ArtMed, 2010. VitalBook File.

Alan, DENNIS, WIXOM, Barbara Haley, and ROTH, Roberta M. Análise e Projeto de Sistemas, 5ª edição. LTC, 2014. VitalBook File.

 

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

YOURDON, E. Análise Estruturada Moderna. 3 ed. Rio de Janeiro: Campus, 1992.

GANE, Chris; SARSON, Trish. Análise Estruturada de Sistemas. Rio de Janeiro: LTC, 2002.

SILVA, NELSON PERES DA. Análise E Estruturas De Sistemas De Informação. Ed. Érica, 2007.

S., PRESSMAN, Roger, and LOWE, David Brian. Engenharia Web. LTC, 2009. VitalBook file.

GANE, Chris; SARSON, Trish. Análise Estruturada de Sistemas. Rio de Janeiro: LTC, 2009.

 

Notícias do Curso

Ver todas