Plano de EnsinoURI Câmpus de Erechim
 

PLANO DE ENSINO

DEPARTAMENTO DE ENGENHARIAS E CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

Disciplina: Segurança da Informação

Código: 30-478

Carga Horária: 80h (60h Prática + 20h Teórica)

Nº de Créditos: 04

 

EMENTA

Introdução de conceitos e técnicas para Auditoria e Segurança em Sistemas Computacionais. Desenvolvimento de artifícios básicos de segurança de funcionamento, identificação e seleção de técnicas de Tolerância a Falhas. Aprendizagem de técnicas de incremento de confiabilidade.

 

OBJETIVOS

O aluno deve ser capaz, ao término da disciplina, de conhecer os fundamentos, técnicas, mecanismos e estratégias para a auditoria de sistemas e para a especificação e implantação de políticas de segurança em sistemas computacionais; bem como estar apto a identificar, selecionar e implantar técnicas de tolerância a falhas e de segurança com o objetivo de alcançar a confiabilidade e disponibilidade desejadas.

 

CONTEÚDOS CURRICULARES

Aspectos Gerais acerca da Segurança da Informação

Conceitos Básicos

Introdução à Segurança de Funcionamento

Fundamentos de Auditoria

Auditoria e Segurança

Pontos de Controle

Técnicas de Auditoria

Auditoria em ambientes de rede (telecomunicações e internet)

Implantação e Conhecimento de Políticas de Segurança

Tolerância a Falhas

Conceitos básicos de tolerância a falhas

Técnicas de incremento de Confiabilidade e Disponibilidade

Aplicações de Tolerância a Falhas

Técnicas de Projeto Tolerante a Falhas

 

METODOLOGIA
Os alunos desenvolverão Trabalhos Discente Efetivos (TDE) no total de 20h, de acordo com o planejamento do professor: estudos de caso, pesquisas bibliográficas, resolução de problemas e lista de exercícios.

Visando desenvolver competências técnicas, cognitivas e comportamentais nos alunos, as aulas, de forma variada, terão como metodologias: tradicional (expositivo-dialogadas com estudos dirigidos), ativa e sócio-interacionista (professor como mediador de atividades em que os alunos trabalham em equipes e interagem com a comunidade universitária).

No decorrer do semestre, serão utilizadas metodologias ativas com o objetivo de potencializar o processo de ensino-aprendizagem.

 

AVALIAÇÃO

Para a avaliação da disciplina, o professor irá verificar se as competências propostas no plano de ensino foram desenvolvidas pelo acadêmico, por meio de instrumentos de avaliação que irão compor a nota final, através das seguintes avaliações:

Parte da avaliação da disciplina, com peso 20%, será referente às atividades desenvolvidas nas TDEs, conforme previsto pelas regras da graduação Ativa da URI;

Comporá também uma das notas da disciplina a avaliação do aluno conforme o projeto integrador, com peso a ser definido pelo professor de acordo com o tema norteador e projeto aplicado no semestre;

O restante das notas consistirá em provas e trabalhos (teóricos e/ou práticos), com assuntos específicos da disciplina: provas escritas, relatórios de experimentos de laboratório e de outras atividades práticas.

A atribuição de notas para a avaliação do desempenho do acadêmico, segue o prescreve o Regimento Geral da Universidade, Art. 88 a 92.

 

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

IMONIANA, J. O. Auditoria de Sistemas de Informação. São Paulo: Ed. Atlas, 2008.

GOODRICH, T. M., TAMASSIA, R.. Introdução à Segurança de Computadores. Porto Alegre: Bookman, 2012. (Biblioteca Virtual).

JALOTE, P. Fault Tolerance in Distributed Systems. New Jersey: Prentice Hall, 1997.

PRADHAN, D. Fault Tolerance Computer System Design. New Jersey: Prentice Hall, 1996.

 

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

MORAES, Alexandre Fernandes de. Segurança Em Redes - Fundamentos. São Paulo: Editora: Erica, 2010.

STALLINGS, WILLIAM. Criptografia E Segurança De Redes - Princípios E Práticas. São Paulo: Ed. Prentice Hall Brasil.

FERREIRA, F. N. F.; ARAÚJO, M. T. Política de segurança da informação: guia prático para elaboração e implementação - 2.ed. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2008.

LYRA, M. R. Segurança e Auditoria em Sistema de Informação. Ciência Moderna. 2008.

COULOURIS, G.; DOLLIMORE, J.; KINDBERG, T. Sistemas Distribuídos: Conceitos e Projeto. 196 Rio de Janeiro, Bookman, 2007.

KOREN, I.; KRISHNA, C.M. Fault-tolerant Systems. São Francisco, Elsevier, 2007.

TANENBAUM. A. S.; STEEN. M. Van. Sistemas Distribuídos: Princípios e Paradigmas. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2011.

DANTAS, M. Computação Distribuída de Alto Desempenho: Redes, Clusters e Grids Computacionais. Rio de Janeiro: Axcel Books do Brasil, 2005.

 

Notícias do Curso

Ver todas