Plano de EnsinoURI Câmpus de Erechim
 

PLANO DE ENSINO

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA

Disciplina:FÍSICO-QUÍMICA II

Código: 10-220

Carga Horária: 60 (Teórica – 60)  (Prática – 00)

Créditos: 04

Pré-requisitos:10-219 – FÍSICO-QUÍMICA I

 

1 EMENTA

Equilíbrio de fases em sistema simples. Regra de fases. Solução ideal e propriedades coligativas. Solução ideal de mais de um componente volátil. Cinética química. Catálise.

 

2 OBJETIVOS

2.1 OBJETIVO GERAL

Introduzir o aluno aos estudos de equilíbrio de fases, propiciando subsídios para disciplinas afins e formação profissional.

 

2.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Fornecer embasamento teórico sobre equilíbrio de fases em sistema simples e regra de fases, solução ideal, cinética química e catálise, relacionando com os diversos aspectos de aplicação.

 

3 CONTEÚDOS CURRICULARES

3.1. EQUILÍBRIO ENTRE FASES EM SISTEMAS DE UM COMPONENTE.

3.1.1. Equilíbrio líquido-vapor (recapitulação dos conteúdos vistos na físico-química I.

 

3.2. TERMODINÂMICA DAS SOLUÇÕES LÍQUIDAS NÃO ELETROLÍTICAS

3.2.1. Termodinâmica das soluções não eletrolíticas ideais.

3.2.2. Termodinâmica das soluções não eletrolíticas reais.

 

3.3. EQUILÍBRIO ENTRE FASES EM SISTEMAS DE VÁRIOS COMPONENTES.

3.3.1. Equilíbrio de soluções líquido-gás com o gás.

3.3.2. Equilíbrio líquido-vapor em sistemas binários.

3.3.3. Equilíbrio líquido-sólido em sistemas binários.

3.3.4. Equilíbrio sólido-gás.

3.3.5. Equilíbrio de sistemas ternários.

 

3.4. SOLUÇÕES LÍQUIDAS.

3.4.1. Propriedades coligativas das soluções não eletrolíticas.

3.4.2. Soluções eletrolíticas.

 

3.5. ELEMENTOS DE CINÉTICA

3.5.1. Equação cinética de estado para gases.

3.5.2. Lei da distribuição de Maxwell.

3.5.3. Teoria da capacidade térmica dos gases.

3.5.4. Colisões moleculares.

 

3.6. CINÉTICA DAS REAÇÕES QUÍMICAS.

3.6.1. Reações homogêneas simples.

3.6.2. Reações homogêneas complexas.

3.6.3. Reações heterogêneas.

3.6.4. Teoria da velocidade das reações.

 

 

 

4 METODOLOGIA

As aulas serão expositivas e práticas, dialogadas com textos constantes da bibliografia indicada e artigos científicos atualizados, com possível utilização de recursos tecnológicos. Estudos dirigidos e seminários poderão ser realizados.

 

5 AVALIAÇÃO

O aluno será avaliado através de avaliações de conhecimento adquirido, sendo essas escritas ou dialogadas. As avaliações poderão ser realizadas, também, através de seminários, relatórios e outras atividades relacionadas à disciplina.

 

BIBLIOGRAFIA

6 BIBLIOGRAFIA BÁSICA

ATKINS, P. W; PAULA, J. Físico-química. Rio de Janeiro: LTC, 2004.v.2.

ATKINS, P. W; PAULA, J. Físico-química. Rio de Janeiro: LTC, 2003. v.1.

MOORE, W.J. Físico-química. São Paulo: Edgard Blucher, 1991.

 

7 BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR

ATKINS, P. W; JONES, L. Princípios de química: questionando a vida moderna e o meio ambiente. Porto Alegre: Bookman, 2006.

ESPENSON, J.H. Chemical kinetics and reaction mechanisms. New York (USA): McGraw-Hill, 1995.

FIGUEIREDO, J. L.; RIBEIRO, F. R. Catálise heterogénea. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1989.

MANO, Eloisa Biasotto; MENDES, L.C. Introdução a polímeros. São Paulo: Edgard Blucher, 1999.

SILVEIRA, B.I. Cinética química das reações homogêneas. São Paulo: Edgard Blucher, 1996.

 

 

Notícias do Curso

Ver todas