Infraestrutura URI Câmpus de Erechim
 

Laboratorial

 

 

Microbiologia de Alimentos

     O Laboratório de Microbiologia possui a infra-estrutura necessária à realização de atividades experimentais da disciplina, ao desenvolvimento de pesquisas pelos docentes, estudantes de graduação e pós-graduação em Engenharia de Alimentos e de prestação de serviços às Empresas da região. O laboratório de Microbiologia possui uma sala de preparo e esterilização de material e meios de cultura, com 74,70 m2, com capacidade para 25 alunos.


 
Biotecnologia de Alimentos

    O Laboratório de Biotecnologia de Alimentos, integrado ao Laboratório de Biotecnologia Vegetal, completamente inserido no Curso de Engenharia de Alimentos, fornece aos alunos o contato com práticas relacionadas a Processos Biotecnológicos, de grande relevância à área de alimentos. Neste contexto, a infra-estrutura laboratorial permite a realização de práticas nas áreas de Processos Fermentativos, Enzimologia Industrial e Tratamento Biológico de Efluentes.


 


Análise de Alimentos

     O Laboratório de Análise de Alimentos possui a infra-estrutura necessária à realização de aulas práticas e desenvolvimento de pesquisas pelos docentes, estudantes de graduação e pós-graduação em Engenharia de Alimentos. Além disto, este laboratório é destinado à prestação de serviços a diversas Empresas de Alimentos da região. Equipado para o desenvolvimento de estudos relacionados à determinação da composição centesimal, vitaminas, minerais, análises específicas das matérias-primas e dos alimentos e à avaliação de modificações químicas, físicas e bioquímicas dos alimentos.


                            
Biotecnologia Vegetal



O Laboratório de Biotecnologia é destinado à pesquisa, ensino e extensão, na área vegetal, principalmente de espécies frutíferas como o pessegueiro, macieira, cítricos, morango, etc. Desenvolve atividades de micropropagação, organogênese, calogênese, marcadores moleculares, estudo de metabólitos secundários "in vitro", transformações de plantas, entre outras. O Laboratório de Biotecnologia está instalado em uma área de 87,4 m2 dividida em uma área com 3 salas de crescimento, uma sala de inoculação e uma área de esterilização e preparo de meios de cultura.

  
Análise Sensorial

     O Laboratório de Análise Sensorial oferece condições de estudo das propriedades funcionais dos alimentos; seleção e treinamento de equipe de provadores para avaliação e aceitabilidade de novos produtos alimentícios; realização de análise sensorial de produtos e preparações com alimentos.  O Laboratório de Análise Sensorial está instalado em uma sala com área de 66,60 m², onde existe um espaço destinado a provas de alimentos com 4 cabines. Integrado ao laboratório, visando o desenvolvimento das atividades, dispõe-se de uma cozinha com todos os equipamentos necessários para o preparo dos alimentos a serem testados. 

 

  
Bioquímica de Alimentos

O Laboratório de Bioquímica está equipado para o desenvolvimento e avaliação de novos produtos e o estudo das propriedades químicas e funcionais dos alimentos. O Laboratório de Bioquímica está instalado em uma sala de 61,20 m2, com capacidade para 20 alunos.

 
Química Geral e Orgânica

     Iniciar os acadêmicos ao uso do Laboratório de Química e dar condição para o desenvolvimento de atividades que conduzam a uma melhor compreensão das interações que ocorram com a matéria. O Laboratório de Química Geral está instalado em uma sala de 52,20 m2 com capacidade para 25 alunos.

 

  
Química Analítica

     O Laboratório de Química Analítica tem como objetivo a realização de aulas práticas de Química Analítica Qualitativa e Quantitativa e dar uma visão geral dos métodos de análise em alimentos para os alunos do curso de Engenharia de Alimentos. O Laboratório de Química Analítica está instalado em espaço físico cuja área é de 66,60 m2 e oferece uma capacidade de 30 alunos por aula prática.

  
Informática

     O objetivo dos laboratórios de informática é proporcionar ao aluno o contato com aplicativos básicos e softwares de informática (Sistemas Operacionais, Editores de Texto, Planilhas Eletrônicas, Gerenciadores de Bancos de Dados, Linguagem de Programação), reforçando os ensinamentos através da aplicação prática. Todos os laboratórios possuem infraestrutura necessária para acesso aos principais serviços disponíveis na INTERNET. A URI-Campus de Erechim dispõe ainda de oito (8) laboratórios de Informática, instalados em salas de, em média  80 m².


  
Fenômenos de Transporte e Operações Unitárias

Os processos nas indústrias alimentícias e químicas, qualquer que seja sua escala, envolvem uma seqüência de operações unitárias básicas visando transformar a matéria prima em produtos de maior valor comercial. O estudo dos fenômenos de transferência de quantidade de movimento, calor e massa que ocorrem neste grupo de operações básicas, permite o entendimento de essencialmente todos os processos da indústria alimentícia e química. A URI através do Curso de Engenharia de Alimentos dispõe do Laboratório de Fenômenos e Operações que consente a realização de atividades práticas que complementam os conhecimentos adquiridos nas disciplinas teóricas do curso.


Termodinâmica Aplicada 

O Laboratório de Termodinâmica Aplicada dedica-se à determinação experimental de dados de equilíbrio a baixas e altas pressões de sistemas binários e multicomponentes, bifásicos e multifásicos envolvendo os estados sólido, líquido e vapor. O laboratório emprega o ferramental da termodinâmica estatística ao cálculo de propriedades de transporte de substâncias puras e misturas a baixas e altas densidades. O desenvolvimento de modelos termodinâmicos para a correlação e predição de dados de equilíbrio de fases também faz parte das atividades teóricas do laboratório.

 
               
Modelagem e Simulação de Processos
 
Laboratório de Análises de Precisão

Este laboratório destina-se às atividades de pesquisa (Iniciação científica e trabalhos de graduação) dos alunos e prestação de serviço (análise de água e alimentos) para a comunidade.

 

Usinas Piloto


Além dos laboratórios de ensino, o Curso de Engenharia de Alimentos dispõe de Usinas-Piloto, onde são realizadas aulas práticas e cursos destinados ao desenvolvimento de produtos nas áreas de carnes, leite, cereais, frutas e bebidas, simulando, em pequena escala, o funcionamento de uma Indústria alimentícia. Neste ambiente, os alunos têm a possibilidade de vivenciar o processo na prática, tendo contato direto com eventuais problemas que ocorrem no dia-a-dia. 
 
Usina-Piloto de Leite e Derivados

     A Usina Piloto de Leite e derivados foi instalada em um Box de 39,65 m2, com capacidade para 20 alunos. Possui infra-estrutura para a realização de aulas práticas, referentes ao conteúdo teórico do processo tecnológico de leite e derivados; efetuar pesquisas e trabalhos de graduação;  desenvolver novos produtos; realizar cursos práticos; estudar a viabilidade técnica de determinado processo.

 

 
Usina-Piloto de Cereais e Derivados

     A Usina Piloto de Cereais e derivados foi instalada em um Box de 47,90 m², com capacidade para 20 alunos. Possui infra-estrutura para a realização de aulas práticas referentes ao conteúdo teórico do processo tecnológico de cereais e derivados; efetuar pesquisas e trabalhos de graduação; desenvolver novos produtos; realizar cursos práticos; estudar a viabilidade técnica de determinado processo.

 


Usina-Piloto de Carnes e Derivados

     A Usina Piloto de Carnes e derivados, instalada em um Box de 36,70m², tem capacidade para 20 alunos. Possui infra-estrutura para a realização de aulas práticas, referentes ao conteúdo teórico de disciplinas afins; efetuar pesquisas e trabalhos de graduação; desenvolver novos produtos; realizar cursos práticos, bem como estudar a viabilidade técnica de determinado processo.

 


 
Usina-Pitolo de Frutas, Bebidas e Hortaliças

     A Usina Piloto de Frutas, Hortaliças e Bebidas, instalada em um Box de 32,65 m², tem capacidade para 20 alunos. Possui infra-estrutura para a realização de aulas práticas referentes ao conteúdo teórico; efetuar pesquisas e trabalhos de graduação na área; desenvolver novos produtos; realizar cursos práticos e estudar a viabilidade técnica de determinado processo.


 

Notícias do Curso

Ver todas