Notícias da URI Erechim

Diplomado em Engenharia Mecânica assume vaga na Companhia de Gás de SC

04/12/2019 - 382 exibições

   



O diplomado em Engenharia Mecânica da URI, Vinícius Marchetto, acaba de assumir a vaga de engenheiro, conquistada através de concurso, na Companhia de Gás de Santa Catarina (SCGÁS), com sede em Florianópolis. É uma empresa com atividade finalística típica de engenharia, de frentes multidisciplinares e faz parte do ramo de distribuição de gás natural canalizado. Trata-se, portanto, de uma indústria de rede.

O concurso, informa Vinícius, possuía apenas cadastro de reserva para o cargo de engenheiro. “Ser o primeiro colocado era condição fundamental para ter expectativas de chamada. O concurso teve 934 inscritos para o cargo, sendo que atingi a pontuação de 9,56, com 48 acertos em 50 questões”, informou.

Ele explica, ainda, o que isso representa profissionalmente. “O gás natural é o modal energético que vai assumir grande destaque na matriz energética nacional, justamente por ser o responsável pela ponte na transição da matriz, das energias fósseis para as renováveis. É considerado ambientalmente correto, pois reduz em muito as emissões de carbono frente aos outros combustíveis fósseis. Então é um setor que vai passar a ter grande relevância para a economia nacional e fazer parte deste momento atuando nas linhas de frente com certeza é um desafio e uma oportunidade de contribuir com o desenvolvimento do país, no caso específico no estado de Santa Catarina”, justificou.

Vinícius diz que a formação acadêmica teve uma importância vital para a obtenção dessa conquista. “Sem dúvida nenhuma, a bagagem adquirida no Curso de Engenharia Mecânica da URI foi fator preponderante para o bom desempenho na prova objetiva e será na execução das atividades, que está diretamente relacionada ao departamento de fenômenos de transporte de energia, o que eu considero como o ponto forte do curso, que dá robustez à formação acadêmica. Graças aos esforços dos professores da área, com destaque ao Cristiano Vitorino da Silva e ao Marco Antônio Sampaio Ferraz de Souza, que me propiciaram uma boa base e um bom entendimento do assunto nas áreas prioritárias do concurso”.

O ex-aluno da URI, que realizou 11 meses de intercâmbio na Noruega quando era acadêmico, em 2014 e 2015, vai atuar na gerência de engenharia, na área de coordenação de construção e montagem de obras urbanas e residenciais, fiscalizando obras.

Segundo o Coordenador de Área das Engenharias e Ciência da Computação, professor Cristiano Vitorino da Silva, que acompanhou a formação de Vinícius enquanto acadêmico, este exemplo deve ser replicado. "Existem muitas vagas para Engenharia no Brasil em empresas públicas e privadas, nacionais ou multinacionais. O que precisa é o acadêmico, já durante a graduação, ficar atento ao mercado e a área que deseja atuar, para já ir se encaminhando para as diferentes possibilidades", declarou. E complementou: “Este caso de sucesso do Vinícius não é o único para os egressos do Curso de Engenharia Mecânica da URI. Assim como ele, podemos citar muitos outros em diferentes segmentos e áreas que iniciaram suas carreiras na indústria local desde o estágio e hoje atuam em grandes empresas do Brasil e exterior. Temos casos também de ex-alunos que empreenderam e hoje atuam no mercado com destaque, bem como casos que se direcionaram para área de pesquisa acessando os melhores cursos de pós-graduação do País em nível de mestrado e doutorado", informou o professor Cristiano.

Para o coordenador do Curso de Engenharia Mecânica, professor Marco Antonio Sampaio Ferraz de Souza, essa conquista é resultado de muita dedicação e esforço aliado a uma formação sólida que o curso oferece a seus acadêmicos. “Fui orientador do Vinícius no seu Trabalho Final de Curso (TCC) e posso relatar que ele desenvolveu brilhantemente seus estudos de forma autônoma e crítica alcançando excelentes resultados. Vale destacar também sua participação ativa em atividades proporcionadas pelo curso como Projeto de Iniciação Científica, Intercâmbio Internacional, Prêmio Prospere, Estágios Supervisionados, sempre com muito profissionalismo e ética. Este resultado veio coroar o excelente profissional que formamos e desejamos todo o sucesso na sua carreira de Engenheiro”, concluiu o professor.


Ver mais notícias