Notícias da URI Erechim

Acadêmicos de Farmácia realizam visita técnica em Porto Alegre

04/12/2019 - 231 exibições

   



Alunos do Curso de Farmácia da URI (turma 2016), realizaram, no dia 21 de novembro, uma visita técnica no Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Porto Alegre. Os acadêmicos, que foram acompanhados pela professora Mariluce da Rocha Jaskulski, conheceram os Laboratórios de Análises Clínicas, de Tuberculose e o Banco de Sangue.

Foi o primeiro Laboratório de Análises Clínicas do Brasil, não vinculado à Universidade e com atendimento 100 % SUS, acreditado pelo Programa de Acreditação Laboratorial da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica – Medicina Laboratorial, em agosto de 2007. Para isso, submete-se anualmente a auditorias internas e externas (nacionais e internacionais).

Atualmente, o Laboratório atende em torno de 500 pacientes por dia no posto de colheita ambulatorial, representando 55% da demanda de exames realizados. Aproximadamente 45% são exames de pacientes internados. A logística de atendimento e realização das análises se baseia nas leis vigentes, boas práticas de laboratórios clínicos e regulamentos técnicos de segurança no trabalho e meio ambiente.

O Laboratório de Tuberculose é um laboratório de qualidade e de segurança que conta com nível 3 de proteção - NB 3, ou seja, com máxima segurança, possuindo pressão negativa - o ar de dentro do laboratório não poder sair do local - e capelas de fluxo, uma vez que manipular a cultura de tuberculose é perigoso, devido ao alto grau de infecção do bacilo causador da doença.

De acordo com a classificação da OMS 2016-2020, o Brasil ocupa a 20ª posição na lista dos 30 países prioritários para tuberculose e a 19ª posição na lista dos 30 países prioritários para coinfecção tuberculose/HIV. A tuberculose continua a ser um grave problema de saúde pública, com elevada morbimortalidade. Com o diagnóstico e o tratamento adequados, é possível curar a doença.

O Banco de Sangue do Grupo Hospitalar Conceição segue rigorosamente os regulamentos técnicos de procedimentos hemoterápicos. O serviço de hemoterapia realiza exames imuno-hematológicos para qualificação do sangue do doador, a fim de garantir a eficácia terapêutica e a segurança da futura doação.

Os acadêmicos puderam acompanhar o processo das atividades de todo o ciclo do sangue desde a doação, rotulagem, conservação, testes realizados, liberação do sangue para o momento do ato transfusional.

A visita técnica nestes três serviços proporcionou aos alunos conhecerem a tecnologia moderna utilizada atualmente, auxiliando no diagnóstico das doenças, assim como o contato com profissionais qualificados, competentes e experientes na área em que atuam.


Ver mais notícias